O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

domingo, 9 de fevereiro de 2014

Roberto Fernandes critica arbitragem e entrosamento do ABC


Roberto Fernandes, técnico do ABC (Foto: Frankie Marcone)Roberto Fernandes não gostou do rendimento do ABC no primeiro tempo (Foto: Frankie Marcone)

O empate por 1 a 1 com o Corintians-RN na abertura da fase principal do Campeonato Potiguar, definitivamente, não estava nos planos do ABC. Ao final do jogo no Estádio Marizão, em Caicó,o técnico Roberto Fernandes disse que viu um time sem atitude e sem entrosamento, e ainda reclamou da arbitragem. Irritado, o treinador entrou em campo para tirar satisfações com o árbitro da partida, Edson Oliveira de Lima, alegando que o tempo de acréscimo no segundo tempo deveria ter sido maior. - Jogo meu ele não apita mais! No segundo tempo foram quatro substituições com a bola rolando. Depois foram dois minutos só para atender o goleiro do Corintians. Como é que ele dá só três minutos de acréscimo? Da mesma forma que jogador e treinador são cobrados, todo mundo tem que ser cobrado também. Ele foi covarde e conivente com o anti-jogo - disse Roberto Fernandes à Rádio Globo Natal. O treinador assumiu a responsabilidade pela falta de entrosamento da equipe, apontada por ele como um dos motivos do resultado da partida deste domingo. RF destacou ainda a dificuldade que existe em montar uma equipe nova a cada ano, considerando que apenas três jogadores são remanescentes da última temporada: Somália, Gilmar e Daniel Paulista. Lógico que tivemos problemas de rendimento, do Júnior Xuxa e do próprio Gilmar, mas o principal problema do ABC é a falta de entrosamento da equipe. E a culpa disso é, primeiro, do treinador. Não sou 'pipoqueiro', não sou frouxo, e admito isso. Segundo, é muito difícil montar um time novo a cada ano - admitiu o treinador. Segundo o técnico do ABC, as reposições feitas pelo clube para a temporada 2014 não atingiram o mesmo nível técnico da equipe treinada por ele no ano passado.
Corintians-RN x ABC, no Marizão (Foto: Ilmo Gomes/Cedida) 
Empate com Corintians-RN não agradou RF; árbitro foi criticado
pelo treinador (Foto: Ilmo Gomes/Cedida)
Eu estou sentindo falta de todos os jogadores que deixaram a equipe no ano passado. Se eu tivesse um zagueiro, um atacante, um lateral do ano passado, a conversa esse ano seria outra. Jogar no interior é sempre complicado. Conseguimos empatar a partida e com isso a gente não larga no campeonato da forma que gostaria. Temos que trabalhar para buscar os ajustes necessários - explicou.
Por Natal

Nenhum comentário:

Postar um comentário