O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

quarta-feira, 10 de abril de 2019

América-RN desbanca Potiguar em Mossoró e é campeão do segundo turno

 (Foto: Diego Simonetti/Blog do Major)
O América-RN é o campeão do segundo turno do Campeonato Potiguar. O Mecão venceu o Potiguar por 2 a 0 no Estádio Nogueirão, em Mossoró, e agora vai enfrentar o ABC na decisão do estadual. Os gols da vitória foram marcados por Adriano Pardal e Luisinho, ambos no segundo tempo. O Alvirrubro de Natal ficou com a melhor campanha da competição e terá a vantagem de fazer o segundo jogo da final na Arena das Dunas.
Vantagem na decisão
América-RN e ABC vão decidir o Campeonato Potiguar em duas partidas, com o primeiro confronto no Frasqueirão e o segundo na Arena das Dunas. Por ter a melhor campanha, a única vantagem rubra é fazer a segunda partida da final em casa. Portanto, se houver igualdade em número de pontos e saldo de gols ao fim do segundo jogo, o campeão será conhecido nos pênaltis. As datas dos jogos ainda serão anunciadas pela FNF.
Primeiro tempo
O jogo começou com ritmo intenso, mas sem muita qualidade. O gramado do Nogueirão também não ajudou. Hiltinho, que retornou de suspensão, tentou algumas jogadas, mas a melhor chance veio em lance individual de Adriano Pardal, em chute cruzado defendido por Andrei. Do lado do Potiguar, que jogava pelo empate, era visível a tentativa de administrar o resultado. Por duas vezes, a equipe mossoroense chegava ao campo de ataque, mas preferia sair tocando até a bola voltar para o goleiro. Jefinho, artilheiro do estadual, mal apareceu.
Segundo tempo
No início da segunda etapa, o América reclamou muito de um pênalti não marcado pelo árbitro Caio Max, em lance que Adriano Pardal acabou sendo derrubado na área. Moacir Júnior sentiu que o time havia perdido o gás e iniciou as mudanças, com a entrada de Jean Patric e Gabriel Nunes nos lugares de Max e Roger Gaúcho. O Potiguar manteve a proposta da "cera" e se arriscava pouco. Quando o empate parecia ser o resultado mais provável, Adriano Pardal conseguiu aproveitar uma bola que sobrou na área e estufou as redes de Andrei. Nos acréscimos, Luisinho, que substituiu Hiltinho, ainda teve tempo de ampliar e decretar o título do Mecão.
Cenas lamentáveis
Aos 42 minutos do segundo tempo, o clima ficou tenso após Lucas Santos chutar Luisinho, que estava caído no gramado. Os jogadores reservas do América e o técnico Moacir Júnior entraram em campo para reclamar e o tempo fechou. Um membro da comissão técnica do Potiguar ainda deu um empurrão em Moacir no meio da confusão. A Polícia Militar entrou em ação de forma atrapalhada e teve spray de pimenta para todo lado. Torcedores do Potiguar também atiraram latas e copos no campo. Lamentável. Após a confusão, Caio Max expulsou o goleiro Rafael Copetti, do América (que estava no banco), e o volante Lucas Santos, do Potiguar. No fim da partida, Thiaguinho, do Potiguar, também recebeu o cartão vermelho.  
Fonte: Globoesporte.com/RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário