O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

terça-feira, 15 de julho de 2014

América-RN supera falhas de Fernando Henrique e goleia o Bragantino



As duas falhas do goleiro Fernando Henrique não foram suficientes para evitar a derrota do América-RN. Na noite desta terça-feira, a equipe alvirrubra recebeu o Bragantino, na Arena das Dunas, e goleou, pelo placar de 4 a 2. Após sair em desvantagem por duas vezes, o Dragão foi buscar o resultado positivo, com gols de Rodrigo Pimpão, Wanderson e Max(Foto), duas vezes. Com o triunfo, a equipe de Natal chega aos 16 pontos e segue no setor intermediário da classificação, ocupando o nono posto. Por sua vez, o Massa Bruta, que estreou o técnico Mazola Júnior, segue em situação incômoda, com dez pontos, ocupando o primeiro posto da zona de rebaixamento. O próximo compromisso da equipe comandada por Oliveira Canindé ocorre neste sábado, às 16h20 (de Brasília), diante do Vasco. O compromisso terá como palco o Estádio São Januário. Por sua vez, a equipe de Bragança Paulista recebe o Sampaio Corrêa-MA, no mesmo dia, mas às 21 horas, no Nabi Abi Chedid.
O jogo –  No primeiro minuto de espetáculo, o Bragantino surpreendeu os mandantes e inaugurou o placar na Arena das Dunas. Em cobrança de falta, o lateral Bruno Recife alçou a bola na área e viu o zagueiro Guilherme Mattis desviar de cabeça. A bola não atingiu grande velocidade, mas passou por Fernando Henrique, que não a espalmou por força. O tento não abateu o América-RN, que quase empatou no ataque seguinte. Em cobrança de falta, o lateral Marcelinho concluiu colocado e exigiu grande defesa de Renan. Porém, a vantagem do Massa Bruta durou muito pouco. Aos seis minutos, em saída rápida, o volante Fabinho foi acionado na área e cruzou para o meio. Livre de marcação e com o gol escancarado, o centroavante Max quase desperdiçou, mas viu a bola ultrapassar a linha após torcar o travessão. Aos dez, o camisa 9 quase virou, aproveitando o lançamento de Marcelinho com uma cabeçada, mas viu Renan intervir. Disputado no meio-campo, o duelo deu indícios de que a bola parada seria a melhor alternativa para o gol. E foi – novamente – assim que o Bragantino foi às redes. Aos 20 minutos, o volante Geandro cobrou falta rasteira, direto para a meta alvirrubra. A bola, aparentemente inofensiva, não acabou contida por Fernando Henrique, que protagonizou uma falha maior que a do primeiro tento. A torcida não perdoou o novo erro crucial do ex-goleiro do Fluminense e passou a vaiá-lo toda a vez em que tocava na bola. Com a nova vantagem em mãos, o Massa Bruta se resguardou e chamou o América-RN para o jogo. Porém, mesmo com o domínio da posse de bola, os alvirrubros não levaram perigo até o fim do primeiro tempo. Nesse ínterim, a principal chance foi um lançamento para Max, mas o jogador não dominou e facilitou o corte da defesa paulista. Após a conversa nos vestiários, o América-RN voltou disposto a virar o marcador e empatou logo aos dez minutos, com um pênalti. Acionado na área por Jéferson, substituto de Arthur Maia, o ex-corintiano Morais driblou Renan e sofreu a falta. Na cobrança, Max mostrou tranquilidade para concluir no canto direito e marcar seu segundo tento no jogo.
A vantagem fez com que o Bragantino ganhasse mais posse de bola. Porém, o ímpeto visitante durou até os 20 jogados, quando o Dragão passou a ditar o ritmo de jogo. Assim, o gol da virada não tardou a sair. Seis minutos mais tarde, Wanderson tabelou com Rodrigo Pimpão, invadiu a área e finalizou de bico, com a perna canhota. A bola entrou no canto e não deu chances para o arqueiro. A vitória mandante na Arena das Dunas foi consolidada aos 45 minutos. Acionado em velocidade, Fabinho tentou encobrir Renan e viu o adversário impedir o lance de efeito. Porém, a bola sobrou para Rodrigo Pimpão, que só teve o trabalho de concluir para o gol. 


FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-RN 4x2 BRAGANTINO-SP
Local: Arena das Dunas, em Natal-RN
Data: 15 de julho de 2014, terça-feira - Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Pablo dos Santos Alves-ES
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires-ES e Vanderson Antônio Zanotti-ES
Cartões amarelos: Cléber e Marcelinho (América-RN); Cesinha, Geandro e Toby (Bragantino-SP)
Cartão vermelho: Geandro (Bragantino)
GOLS: AMÉRICA-RN: Max (aos 6’ do 1T e aos 10' do 2T, cobrando pênalti), Wanderson (aos 26' do 2T) e Rodrigo Pimpão (aos 45' do 2T).  BRAGANTINO-SP: Guilherme Mattis (a 1 minuto do 1T) e Geandro (aos 20’ do 1T)
AMÉRICA-RN: Fernando Henrique; Marcelinho, Cléber, Roberto Dias e Wanderson; Márcio Passos, Jean Cléber (Morais) e Fabinho; Arthur Maia (Jéferson); Rodrigo Pimpão e Max (Isac). Técnico: Oliveira Canindé
BRAGANTINO-SP: Renan; Robertinho (Erick), Yago, Guilherme Mattis e Bruno Recife; Toby, Geandro e Magno Cruz (Sandro); Léo Jaime, Cesinha (Luisinho) e Nunes. Técnico: Mazola Júnior
Fonte: Gazetaesportiva.net

Nenhum comentário:

Postar um comentário